Depois de dois meses de testes, foi entregue, nesta quarta-feira (27), à população de Caruaru o Disque Saúde. A central telefônica irá regular a marcação de consultas de pediatria, ginecologia, clínica médica, odontologia para adultos e odontopediatria. O novo serviço vem aplacar as diversas queixas da população a respeito do antigo sistema de agendamento médico por telefone, que operava com 13 números de telefone diferentes. Agora, todos foram agrupados no número 0800.281.7080. A central funciona se segunda a sexta-feira, entre 7h e 13h.

O Disque Saúde funciona no prédio anexo da Secretaria de Saúde e conta com 13 atendentes. A capacidade de atendimento é de 650 pessoas por dia. Para montar a estrutura, foram investidos cerca de R$ 350 mil. Segundo a secretária de Saúde, Aparecida Souza, a escolha do turno na manhã para o funcionamento do Disque foi estratégico. “Durante os meses de teste verificamos que 90% das ligações são feitas no período da manhã. Então, para otimizar o atendimento, escolhemos este turno”, explicou. Aparecida frisou que, caso haja aumento da demanda, pode haver incremento no número de atendentes e de vagas para consulta.

Quem aprovou o Disque Saúde foi a faxineira Maria Marileide da Silva, de 45 anos. “Antes, a gente tentava e tentava, mas não conseguia uma consulta pelo telefone. Tinha que sair ligando para todos os números, mas agora está melhor”, contou. A faxineira questionou, porém, porque consultas de especialidade médicas não estão no sistema. “Meu pai está precisando de um cardiologista, mas está difícil. Deveria ter este mesmo telefone”, reclamou. A secretária Aparecida afirmou que a inclusão das especialidades médicas como cardiologia, oftalmo e endócrino, será feita na segunda fase do Call Center e a previsão de funcionamento é até o fim do ano. Hoje em dia, a marcação das clínicas especializadas acontece nas próprias unidades de saúde.

Fonte: Folha de Pernambuco