O presidente do Simepe, Tadeu Calheiros e o diretor Executivo, Mário Jorge Lobo, além de representantes da Associação Pernambucana de Médicos Residentes (APMR), da Associação dos Cirurgiões e Traumatologistas BucoMaxiloFaciaisde Pernambuco (ABMF-PE), do Sindicato dos Odontologistas (Soepe) e médicos residentes de várias especialidades do Hospital Getúlio Vargas (HGV) se reuniram-se na tarde desta quinta-feira (13/09) na sede do Simepe.
 
Na ocasião, os médicos residentes relataram sobre uma série de problemas e precariedade nas condições de atendimento da população que reflete diretamente no programa de residência médica e multiprofissional. Eles reclamaram também do descaso e da desatenção dos gestores públicos da saúde.
 
Após discussões, com as especialidades, ficou agendada uma reunião amanhã (15/09), às 11h, com o secretário de Saúde do Estado, Iran Costa, na sede da SES,no Bongi. Além disso, foi aprovada a realização de uma Assembleia Geral Extraordinária (AGE), na próxima segunda-feira, dia 17/09, às 08h, no auditório do HGV, para avaliação do movimento de reivindicações, bem como a deliberação sobre a deflagração ou não de movimento paredista (greve) ou paralisação de advertência.