O Sindicato dos Médicos de Pernambuco (Simepe) lamenta profundamente o trágico falecimento do médico cardiologista, Denirson Paes da Silva, 54 anos, que estava desaparecido há cerca de 20 dias e hoje (04/07) o corpo foi encontrado dentro do poço no Residencial Torquato Castro, onde ele residia com a família, no km 13 da estrada de Aldeia. Para remoção do corpo, a Polícia Civil contou com o auxílio do Corpo de Bombeiros, já que o poço tem, em média, 25 metros de profundidade.

A Polícia Civil informou que vai se pronunciar na tarde da quinta (5), durante uma entrevista coletiva no Recife sobre o caso.Ao longo da carreira, o cardiologista atuou no Hospital Getúlio Vargas, no Hospital das Clínicas, do Hospital do Exército e também no Procape, referência em assuntos do coração.

Ele era formado em Medicina pela Universidade Federal de Pernambuco e em Direito pela Uninassau. Além disso, Denirson Paes da Silva, era um excelente profissional, educado e tinha um conceito elevado junto à categoria médica e seus pacientes. Manifestamos nossas condolências aos seus amigos, familiares e colegas de profissão.